expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

domingo, 14 de setembro de 2014

Surpresa

   Pensei estar livre desse amor que há muito tomou conta de mim, mas percebo agora, que isso é impossível.
    Impossível não sentir ainda o desejo de trocar todas as cores do mundo para tornar seu mundo mais colorido. É impossível não sentir a vontade de te pedir para ficar.
    Não conseguiria expressar melhor esse sentimento do que já fiz, e talvez você nunca entenda o quanto esse amor é grande e o quanto você me faz falta.
    E quando eu penso que não terei nada se eu não ter você ao meu lado para compartilhar cada pedaço do meu mundo. Cada instante da minha vida. Tudo volta a perder um pouco o sentido.
    Estranho não pensar em tudo o que vivemos e sentimos. Em tudo o que aprendemos juntos. Estranho seria eu não sentir nada ao pensar em você.
    Surpresa minha perceber que este amor continua mais vivo do que nunca. Surpresa minha perceber que apenas estava adormecido.
    E, mesmo que não me reste mais nada além de nossas lembranças, eu continuarei dizendo que eu te amarei para sempre. Mesmo que ninguém entenda. Mesmo que nem eu entenda. Eu sempre amarei você.


                                                                     (Fernanda Muniz) 

4 comentários:

Desbravadores de Livros disse...

Um amor verdadeiro dificilmente passa, raramente cessa. Nem que seja nas lembranças continua firme.

M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de outubro

Luana Melo disse...

Oi Nanda!
Que saudades de você, de vir aqui no AP e ler os seus escritos!
O amor que você põe nas palavras e a sinceridade nelas é que faz tudo ainda mais lindo!
Parabéns sempre!
Beijos amiga*

http://luahmelo.blogspot.com

Fernanda Muniz disse...

Com toda certeza, Desbravadores.

O amor quando verdadeiro perdura.

Beijo.

Fernanda Muniz disse...

Luuuuuu!! *---------*

Como é bom te ver por aqui. E que lindo comentário.
Muito obrigada pelo carinho!
Xero!