expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Aprendendo com a dor

       Há quem diga que não se há nada para se aprender com a dor, pois a dor não é boa. Há quem diga que a dor é boa pois nos faz crescer como ser humanos, passando por ela ficamos ainda mais fortes. Complicado isso, né?! Como a dor pode ser boa? E por que não se há nada para aprender com ela se aprendemos de tudo em todas as situações na vida?
        Recentemente, eu sofri uma perda. E através dessa perda, durante todo o sofrimento que tive, eu percebi outras coisas que também me fizeram sofrer. Mas pudi aprender um pouco mais a viver com tudo o que passei. Pudi perceber erros meus e acertos também. É assim que se pode aprender com a dor.
        Entretanto, a dor pode te levar a uma depressão por exemplo. E isto é muito perigoso. É neste instante que pensamos o quanto a dor é desnecessária. E eu cheguei nesse ponto também.
        Aprenda uma coisa querido(a), se alguém não te dá o devido valor, então não dê valor. Sabe aquela história de dar atenção a quem te trata como prioridade? É isso mesmo. Quem te trata como opção, quem te procura somente diante de necessidades, não merece nem sua amizade nem sua preocupação muito menos sem amor. Não estou falando em odiar a pessoa. Até porque isso não agrada a Deus. Estou dizendo, afirmando sem medo de errar, que você deve deixar pessoas assim por último em sua lista de prioridades. Você tem que vir em primeiro lugar, claro que nunca sendo egoísta.
        Se uma pessoa que você ama muito te deixou ou infelizmente faleceu, pode ter certeza de que sua vida não pode parar. Sei que quando isso acontece ficamos fracos, sem vontades, sem desejos. Mas, sim, a vida tem que seguir. É a velha história de não deixar o show acabar, pois só vai acabar no seu tempo certo.
        Não caia "no papo" de que há perdas que iremos sentir menos, ou que seja mais fácil de se aceitar. Perdas são perdas. Dói e vai doer sempre. E, por mais louco que seja, você deve sim sofrer o tempo que for necessário para que se aprenda a lidar com a perda. Ou isto te perseguirá eternamente.
       Seja qual for a perda, qual for o momento, Deus sempre irá colocar pessoas na sua vida para te ajudar, te apoiar. E aí vai do mais íntimo ao desconhecido. Sim, porque em muitos casos, o apoio vem de onde menos se espera. Mesmo que você não acredite em Deus, mesmo que você pense que tudo isto é besteira, Ele sempre estará do seu lado, enviando pessoas que te façam acreditar que enquanto você tiver fôlego deve-se lutar por si mesmo. Sempre haverá situações que te fará lembrar da pessoa que se foi ou de uma determinada situação difícil que você tenha passado. Em contra partida, sempre haverá pessoas do seu lado loucos por um sorriso seu, pessoas que te faça desejar e sonhar com tudo o que você sempre quis mas nunca teve coragem de realizar.
        Lembre-se, a vida é muito curta porém muito especial. Só se vive uma vez. Então desfrute de cada sentimento que a vida te oferece. Curta cada pessoa que ela te dá. E lembre-se acima de tudo, a frieza torna uma pessoa vazia.
                                                                                                                                                                                                                  
Pense nisso!
Fica a dica!
                                                                                                              ( Fernanda Muniz)

18 comentários:

Vinícius Costa disse...

Oi Fê!
Realmente, a dor incomoda às vezes, mas simultaneamente serve como uma ótima medicação!
Adoro seu blog e suas lições de vida!
Vini - Livros e Rabiscos
(www.livroserabiscos.com)
Faça uma visitinha também? *-*

Fernanda Muniz disse...

Oi Vini!
Eu visitei seu blog e gostei muito. Estou seguindo, vou curti a página no face e te add no face. rs
Parabéns!
Obrigada. Espero ter você sempre aqui. :D
Beijos.

Bruna disse...

Eu acho que a dor nos faz crescer, nos faz forte, nos ensina...
Beijos

http://cocacolaecupcake.blogspot.com.br

Stephanie Millena disse...

Com certeza. Mesmo evitando a dor e tendo medo da mesma, ela é necessária para o nosso crescimento. Parabéns pelo texto, você escreve muito bem.

Beijos,
http://leianoescuro.blogspot.com.br/

Fernanda Muniz disse...

Sem dúvida!

Beijos

Fernanda Muniz disse...

Verdade. Aprendemos muito com a dor.

Obrigada pelo carinho.
Beijos *-*

Maritza Bom disse...

Olá Fernanda, primeira visita ao blog e gostei bastante! Esse tópico é bastante difícil, mas concordo que só temos a ganhar quando vemos a dor pelo seu lado positivo!

até mais!

Prólogo da Leitura

Fernanda Muniz disse...

Obrigada pela visita.
Espero ter sempre sua presença aqui.
Obrigada por registrar sua opinião.

Beijo

agnes disse...

olá, fernanda!
com certeza, a dor, apesar de tudo, nos ensina muito.
temos que lembrar que se sentimos dor, é porque algum sentimento estava envolvido, e antes de tudo agradecer pela oportunidade desse sentimento ter existido, não é?!

beijos - Rascunhos e Borrões

Fernanda Muniz disse...

Concordo plenamente com você Agnes.

Beijos

Luana Melo disse...

Nanda!
Estava com saudades de vir aqui. Concordo plenamente com você. O que não nos mata , nos fortalece!
A dor ensina. Amei o texto.
Beijos*

http://luahmelo.blogspot.com

Fernanda Muniz disse...

Lu!
Eu estava com saudades de ter você por aqui.
Obrigada flor!

Beijos!

Teffi disse...

Ainda bem que você aprendeu a conviver com isso tudo. Continue firme =)

Visite o "Lar da Escriturária" =)

Fernanda Muniz disse...

Obg flor! *-*

Irinia Zachello disse...

Oi lindona é verdade!

Temos que nos amar. Até como mãe.
Primeiro temos que nos cuidar nos amar para depois ser forte para o resto.

Separar o joio do trigo. O essencial do que pode esperar.

Adorei seu post1

bjos

Fernanda Muniz disse...

Lindaaa *-*

Essa é a ideia! Nos cuidar sempre para cuidar sempre de outras pessoas.

Obrigada! Beijos.

Orleans Nery disse...

As dores nos fazem humildes, só acho...

Fernanda Muniz disse...

Também acho!