expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sábado, 28 de abril de 2012

Felicidade


         Do que é feito a felicidade? Como encontrar a felicidade completa? Ela existe? São perguntas que sempre vem em nossas mentes quando este é o assunto. Sempre achamos que por termos problemas ou por algumas situações não terem saído como esperamos, não existe a tal felicidade. E muitos acabam frustrados por isto.
         Na verdade, a felicidade sempre existiu e sempre existirá. O problema dela não ser encontrada por muitos está no fato de se procurar no lugar errado. Sempre a procuramos tão longe enquanto ela sempre esteve tão perto. Muitos a procuram em carros de luxo, belas mansões, em riquezas. Não estou dizendo que a felicidade está na pobreza, e sim que está em coisas simples. Como sorrir com alguma criança, dedicar algum tempo livre para algum familiar, ou apenas conversar com amigos, e novamente sorrir.
         A felicidade está em coisas tão simples, tão pequena que nos acontece que sempre passa a despercebida por nós. É tudo tão simples que de tão simples complicamos.
         Em nada adianta, ter mansões, carros do ano e o mais simples nos falta. Amor. Amor dos nossos familiares e amigos, amor dos filhos e dos pais, amor do próximo, que mesmo conhecendo pouco de nós, sempre nos ajuda. Em nada adianta ter tantas riquezas passageiras se não se tem a riqueza eterna, que é o amor e respeito de quem amamos. Fazer o que amamos para pessoas que amamos. Trabalhar naquilo que nos faz bem e não por dinheiro. Chorar, só se for de tanto sorrir.
         Sorria mais, ame mais. E se por alguma razão, você chorar por alguém, levante a cabeça, enxugue as lágrimas e sorria novamente. Pois somente o sorriso é capaz de adoçar qualquer palavra que você venha a dizer.






Pense nisto!
Fica a dica!


                                                                  (Fernanda Muniz)

6 comentários:

Gabriela Lemos disse...

Uma boa questão essa que você abordou. A felicidade é utópica como dizem alguns. Mas também existe aqueles que afirmam que só existe aquilo que você acredita ser real, então utopias não existem.
Mas a felicidade tem um quê de ilusão e realidade. Sempre a buscaremos, mesmo sem sabermos se existe ou não. Acreditamos, sonhamos e somos felizes da forma que buscamos ser.

beijo linda, parabéns

Fernanda Muniz disse...

Verdade Gabi!
Acho que no fundo, o que importa é sermos felizes da forma que dá, com quem dá...mas sempre buscando pessoas melhores e situações melhores!

Beijos

Ana Paula Dias disse...

Concordo com você Fernanda, a verdadeira felicidade não está nas coisas que a gente possui, mas em como nos relacionamos com nós mesmos.Parabéns pelo post.

Um xero!

Fernanda Muniz disse...

Obrigada flor!

Um xero!

Luana Melo disse...

Achei esse texto tão doce Nanda...
Simples e belo, tal qual a própria felicidade. Você descreveu-a muito bem viu?
A M E I !!!
Beijos amiga*

http://luahmelo.blogspot.com

Fernanda Muniz disse...

Luuuuu, estava sentindo sua falta aqui! *--*

hahaha *-*
Eu fico muito feliz por ter sua presença sempre aqui e por você ter gostado.
Beijos amiga